fbpx

Apenas 7 milhões de moçambicanos tem internet 

Internet em Moçambique
Jovem com smartphone nas mãos

De acordo com o último relatório da plataforma online Data Reportal, em Moçambique, apenas 7 milhões dos residentes do país têm acesso à internet. 

DataReportal é uma plataforma que fornece insights e estatísticas sobre o uso da Internet, mídias sociais e tecnologia em todo o mundo, através de relatórios e análises baseadas em dados coletados de fontes confiáveis, permitindo que empresas, pesquisadores, profissionais de marketing e outras partes interessadas compreendam melhor as tendências e padrões digitais globais. 

Segundo os dados, até Janeiro de 2024, haviam 7,96 milhões de utilizadores de Internet no país, com uma taxa de penetração da Internet que situava-se em 23,2 por cento da população total no início de 2024.

A análise da Kepios, plataforma citada pelo Data Reportal, indica que os utilizadores de internet em Moçambique aumentaram em 842 mil (+11,8%) entre janeiro de 2023 e janeiro de 2024.

Os números de utilizadores revelam que 26,41 milhões de pessoas no território nacional ainda não utilizam a Internet, sugerindo que 76,8% da população permanece offline.

Os dados apresentam um crescimento de utilizadores de internet no país, numa comparação com o ano passado onde, seis milhões de moçambicanos tiveram acesso à Internet.

Outras notícias:


Visão do acesso a internet segundo Data Reportal

Na última apresentação dos resultados de um inquérito aos utilizadores dos serviços das telecomunicações, o Presidente do Instituto Nacional de Comunicações de Moçambique (INCM), Tuaha Mote, assumiu que há muito trabalho por ser feito, e que existem vários aspectos por detrás do baixo número de pessoas que têm acesso à internet.

“Parte da população moçambicana é constituída por mulheres que na sua maioria não trabalham e o que deve acontecer é que grande parte dos dispositivos para aceder à internet devem ser acessíveis e acompanhados de serviços também acessíveis. Acreditamos ainda que o sector informal pode contribuir para o uso das tecnologias de informação e comunicação”,

disse na altura.

O inquérito sobre “Utilizadores de Telefonia Móvel” produzido em coordenação com Instituto Nacional de Estatística (INE), revelou ainda que o custo de vida e o poder de compra dos moçambicanos é muito baixo em relação aos outros países membros da SADC (Comunidade de Desenvolvimento da África Austral), razão pela qual Moçambique encontra-se no quinto lugar em termos de acesso à Internet.

Por outro lado, na mesma altura, os dados do INCM apontaram que apenas 50 por cento da população tem acesso aos serviços de telecomunicações.

Para além dos dados referentes aos utilizadores de internet, o Data Reportal deu a saber o número de moçambicanos que estão activos nas redes sociais como o Facebook que conta com 3 milhões de utilizadores, sendo a rede social mais utilizada, seguido pelo TikTok e Instagram.

Fonte Data Reportal

Revista Kabum Digital Banner
Artigos relacionados

Subscreva-se à nossa newsletter. Fique por dentro da tecnologia!

Total
0
Share