fbpx

Profissional Angolano distinguido pela Microsoft

A Microsoft distinguiu o angolano José Quintino ao prémio de Profissional Mais Valioso da Microsoft (MVP, na sigla em inglês), dedicada aos profissionais em tecnologia que partilham os seus conhecimentos com o público. 

O reconhecimento surge no âmbito da apresentação da Microsoft dos especialistas eleitos ao nível mundial que partilham com as suas comunidades os seus conhecimentos em produtos e serviços da empresa.

A distinção está baseada na partilha de conhecimento por via de palestras, publicações nas redes sociais, redação de livros e ajuda a outras pessoas em comunidades online.

“Reconhecemos líderes comunitários excepcionais pelos seus conhecimentos técnicos, influência positiva sobre as pessoas à sua volta e empenho na resolução de desafios do mundo real com tecnologia de ponta”,

lê-se no site da Microsoft em descrição da iniciativa.

José Quintino consta da lista pela sua actuação através de artigos técnicos, formações, mentorias e realização de lives. Em entrevista para o Menos Fios, ser um Microsoft Most Valuable Professional (MVP),  é uma distinção significativa e mostra o impacto do seu trabalho e é “uma grande honra e privilégio, pois faço parte de um grupo de excelentes profissionais”.

“Este reconhecimento da Microsoft para profissionais de tecnologia que não são funcionários da empresa, mas que demonstram um excepcional conhecimento técnico e uma contribuição significativa para a comunidade, tem várias implicações profissionais, com destaque para Reconhecimento Global, Oportunidades de Networking, Impacto na Comunidade Local e outros”,

afirma.

Outras notícias:


Na sua actividade, tem expandido o conhecimento sobre serviços ou produtos Microsoft, através do seu blogue, lives técnicas no canal da comunidade por ele criado (Data & Azure Community Luanda), onde participam integrantes de outras comunidades como Brasil, Portugal, Espanha, Holanda, entre outras.

A lista revela José Quintino como o primeiro e o único angolano a alcançar este feito. Actua como arquitecto de soluções em Microsoft Cloud Azure e instrutor certificado Microsoft.

Sobre as dificuldades que enfrentou no caminho que o conduziu a esta distinção, o técnico acredita que quando se faz o que se gosta, com zelo e dedicação, raramente se encontram dificuldades.

O primeiro MVP angolano incentiva ainda os jovens a não se distraírem, ficarem parados ou desatentos às tendências tecnológicas, porque nessa  profissão é importante ser proactivos e atentos às tendências tecnológicas.

“O meu conselho para os mais jovens que queiram atingir este marco na sua carreira é que tenham muita dedicação, se apliquem ao máximo, pesquisem, leiam muito, interajam com outros profissionais em fóruns técnicos e, acima de tudo, abdiquem de muitas coisas que os distraiam do seu foco”, disse.

Kabum_Digital_-_Revista_banner_para_o_site
Artigos relacionados

Subscreva-se à nossa newsletter. Fique por dentro da tecnologia!

Total
0
Share