fbpx

Samsung anuncia data de lançamento do anel inteligente

Galaxy Ring
Galaxy Ring, anel inteligente da Samsung

O Galaxy Ring, anel inteligente da Samsung, já tem data oficial de lançamento. Segundo a Bloomberg Law, o dispositivo será lançado em agosto de 2024. O Galaxy Ring foi inicialmente anunciado em janeiro, e sua produção em massa foi indicada para começar em junho passado.

A empresa divulgou essas informações num documento relacionado a um processo judicial contra a concorrente Oura, fabricante do bem-sucedido Oura Ring, que domina o mercado de anéis inteligentes. 

O primeiro anúncio do Galaxy Ring foi em Barcelona, na Mobile World Conference (MWC), e definiu como um dispositivo para “simplificar o bem-estar”, através da recolha de dados do utilizador, fornecendo informações abrangentes sobre a sua saúde.  

Anel inteligente é um dispositivo de tecnologia vestível que combina sensores e conectividade para monitorizar dados de saúde, como frequência cardíaca, padrões de sono, e actividade física, permitindo a sincronização com smartphones e outros dispositivos digitais para uma experiência integrada.

Os anéis funcionam por meio de sensores e conectividade com outros dispositivos, como smartphones, via Bluetooth. Foram projectados para serem discretos e convenientes, permitindo aos utilizadores aceder a informações e funcionalidades sem a necessidade de um dispositivo maior, como um relógio inteligente ou um telemóvel.

Outras notícias: 


A Samsung ainda não especificou os países onde o Galaxy Ring estará disponível, como a expectativa dos detalhes serem revelados no próximo evento Samsung Unpacked

O  Samsung Unpacked é uma apresentação oficial onde a empresa revela novos produtos e tecnologias, previsto para este mês (Julho), onde também serão apresentados outros produtos como o Galaxy Z Fold 6 e o Galaxy Watch 7.

O relatório indica que a Samsung buscou orientação do Tribunal Distrital dos EUA na Califórnia para se proteger de possíveis ações legais da Oura, que tem um histórico de processar empresas que tentam lançar dispositivos semelhantes, alegando violação de patentes e propriedades intelectuais.

De acordo com a Bloomberg Law, há cinco patentes que podem ser problemáticas para a Samsung. As patentes referem-se a tecnologias essenciais para a composição de anéis inteligentes, incluindo bateria integrada, pontuações para indicar o nível de condicionamento físico e certos sensores.

Sobre o processo judicial, espera-se que a Samsung consiga evitar as acusações da Oura. A melhor opção seria o não uso de tecnologias similares às das patentes da Oura ou tentar invalidá-las.  

Fonte Forbes

Kabum_Digital_-_Revista_banner_para_o_site
Artigos relacionados

Subscreva-se à nossa newsletter. Fique por dentro da tecnologia!

Total
0
Share