fbpx

Tudo o que precisa saber sobre o novo iPhone

iPhone

A Apple realizou, no dia 12 de setembro, na sua sede em Cupertino, onde anunciou a sua nova linha de produtos. E como era de se esperar, as atenções estiveram viradas para o lançamento de mais uma versão do iPhone, neste caso o 15.

Desde uma atualização da linha de relógios inteligentes até a mudança para carregamento. Apresentamos aqui algumas novidades que possam ter passado despercebido caso não tenha acompanhado o lançamento deste dispositivo que promete ser a proxima ambição dos amantes dos produtos da Apple.

O novo aparelho chega e lança a Apple para uma nova era de carregamento, os novos aparelhos passam a contar com o carregamento USB-C, abandonando assim mais de uma decada de carregamento exclusivo pela primeira vez, como também incluem o Dynamic Island, que anteriormente só estava disponível nas versões iPhone 14 Pro e Pro Max.

Ambos os modelos, iPhone 15 e o iPhone 15 Plus, chegam com ecras de 6,1 e 6,7 polegadas, comparáveis aos seus antecessores.

As versões mais caras, iPhone 15 Pro e do iPhone 15 Pro Max, terão um “botão de ação” no lugar do botão de silêncio, que pode ser personalizado para uma série de actividades. Para as barras laterais, conta com titânio no lugar do aço inoxidável.

A introdução do USB-C nos novos iPhones e AirPods Pro, segue em conformidade com os regulamentos europeus. Os profissionais terão mais facilidade em transmitir vídeos de alta qualidade do iPhone diretamente para os seus discos rígidos através da ligação USB-C.

Para as barras laterais, conta com titânio no lugar do aço inoxidável / The Verge.

Todas as novas versões incluem uma câmara principal de 48 megapixels, com o Pro Max a apresentar um zoom óptico de 5X . Os utilizadores podem captar filmes tridimensionais utilizando os dispositivos Pro, que poderão ser visualizados nos futuros óculos Vision Pro da Apple.

A conexão via satélite no mais recente iPhone pode agora ser utilizada para chamar a assistência rodoviária, uma função introduzida nos Estados Unidos em colaboração com a Associação Automóvel Americana.

Contrariamente à série iPhone 14, em que apenas os modelos Pro tinham direito à funcionalidade Dynamic Island, todos os modelos da série iPhone 15 terão direito a esta tecnologia.

Dynamic Island está presente em todas versões do iPhone 15 / Foto: The Verge

O iPhone 15 e o 15 Plus serão alimentados por um chip A16 Bionic, enquanto o iPhone 15 Pro e o Pro Max serão alimentados por um chip A17 Pro. De acordo com a empresa, o hardware da gama Pro torna os dispositivos adequados para jogos móveis de alta qualidade.

Ainda no evento, a Apple lançou a segunda geração dos AirPods Pro, com um preço de 249 (15 749) dólares, que terá uma qualidade de som melhorada e o dobro do cancelamento de ruído ativo do seu antecessor. 

Outro destaque foi Watch Series 9 e a segunda geração do relógio ultra, com as mesmas dimensões que as variantes anteriores.

Os relógios mais recentes vêm com o chip S9, que é capaz de melhorar a animação e os efeitos. Desde que a linha Series 6 foi introduzida pela Apple em 2020, esta é a primeira atualização do processador.

Entre as novidades estão o melhoramento da dicção e do brilho, bem como o “double tap”, uma nova função de movimento que permite gerir o relógio sem tocar no seu ecrã.

O Ultra 2 tem agora um novo ecrã personalizado que inclui dados adicionais sobre a forma física e uma bateria melhorada que pode durar até 36 horas em utilização normal e 72 horas em utilização reduzida.

O iPhone 15 estará disponível em 128 GB, em 256 GB e em 512 GB. Será colocado à venda a partir de 22 de setembro, com preços que variam entre os 799 (50 536 Meticais) e os 1.199 (75 836) dólares.

Fonte The Verge

Kabum_Digital_-_Revista_banner_para_o_site
Artigos relacionados

Subscreva-se à nossa newsletter. Fique por dentro da tecnologia!

Total
0
Share